Acompanhando as estreias da semana, hoje o filme escolhido é Aladdin (2019)!

O filme Aladdin lançado em 2019 foi dirigido por Guy Ritchie, com roteiro de Guy Ritchie e John August. Esse longa-metragem é o live-action do clássico de animação de mesmo nome lançado em 1992 pela Disney.

Aladdin (Mena Massoud) é um jovem ladrão que vive de pequenos roubos em Agrabah. Um dia, ele ajuda uma jovem a recuperar um valioso bracelete, sem saber que ela na verdade é a princesa Jasmine (Naomi Scott). Aladdin logo fica interessado nela, que diz ser a criada da princesa. Ao visitá-la em pleno palácio e descobrir sua identidade, ele é capturado por Jafar (Marwan Kenzari), o grão-vizir do sultanato, que deseja que ele recupere uma lâmpada mágica, onde habita um gênio (Will Smith) capaz de conceder três desejos ao seu dono.

O filme conta com Will Smith, Mena Massoud, Naomi Scott, Marwan Kenzari, Nasim Pedrad, Navid Negahban, Billy Magnussen e Numan Acar, em seu elenco.

Vamos começar admitindo que desde que a Disney se propos ao desafio de adaptar para live-actions seus clásssicos animados, a empresa vem pisando em ovos ja que seu publico é divido entre adultos que cresceram com as animações e a nova geração que precisa ser apresentada a esse mundo mágico.

Conquistar novo público e agradar os fãs antigos é um trabalho mais que dificil, contudo Aladdin vem para mostrar que é possivel sim!

Contando com um elenco carismático, novos personagens, novos númros músicais e boas adaptações o live-action de Aladdin funciona muito bem.

Com um arco mais forte a Jasmine interpretada por Naomi Scott se destaca, a atriz conseguio passar ainda mais a força da personagem em tela. Não ficando para traz Mena Massoud conseguio passar o carisma que o protagonista precisava.

Talvez o ponto mais fraco do elenco seja o Marwan Kenzari que interpreta o Jafar.

O vilão é um dos mais icônicos da grande lista de vilões da Disney e faltou um tom mais ameaçador, o que no geral não atrapalha o filme como um todo, mas não pode deixar de ser mencionado.

O papel do gênio é um ótimo papel para um ator do estilo do Will Smith, onde o personagem que não é o protagonista aparece e rouba a cena.

Nesse quesito o Will Smith esta muito bem no papel, único ponto negativo é o CGI do gênio em sua forma azul que não funciona em todos os momentos.

Muita polêmica foi gerada sobre esse assunto e de verdade os figurinos estão tão bonitos e bem feitos que eu preferi o gênio em sua forma “humana” do que o gênio azul.

Alem de figurinos lindos, outro ponto positivo do filme é a fotografia. A construção da cidade de Agrabah ficou muito interessante e merece ser mencionada.

Agora vamos falar da parte mais importante do filme: a trilha sonora!

Alan Menken, responsável pela maioria das grandes trilhas sonoras dos clássicos Disney retorna para fazer a trilha sonora desse live-action.

As músicas “Friend Like Me” e “Prince Ali” ganharam novos versos para se encaixaram nas adaptações feitas no filme, enquanto que a dupla Benj Pasek e Justin Paul responsáveis por La La Land: Cantando Estações (La La Land, 2016) trazem uma canção original para o filme.

A música “Speechless” na voz da Naomi Scott, aparece em dois momentos diferentes do filme e marca um dos melhores momentos da personagem Jasmine.

Outra adaptação feita no filme é sequencia musical criada para o “baile da colheita” de Agrabah, onde uma coreografia interessante e divertida, tenta desenvolver a relação entre os protagonistas.

Curiosidade Rápida:

  • Para os fãs de easter-eggs fiquem atentos aos movimentos do tapete mágico! O personagem recria a marca Disney de uma forma inusitada e divertida.

Com Aladdin vale a pena assistir! Seja fã antigo ou recente o live-action surpreende de forma agradável então fica a dica.

Se já assistiram deixem aqui no blog também seus comentários.

Aladdin (2019) - Comentários
4.0Overall Score
Reader Rating: (0 Votes)
Translate »