O Depois Da Sessão De Cinema já foi conferir a nova aposta da Marvel, então hoje vamos falar de Pantera Negra!

“Wakanda forever!”

O filme Pantera Negra (Black Panther) lançado em 2017 foi dirigido por Ryan Coogler, com roteiro de Joe Robert Cole e Ryan Coogler.

Após a morte do rei T’Chaka (John Kani), o príncipe T’Challa (Chadwick Boseman) retorna a Wakanda para a cerimônia de coroação. Nela são reunidas as cinco tribos que compõem o reino, sendo que uma delas, os Jabari, não apoia o atual governo. T’Challa logo recebe o apoio de Okoye (Danai Gurira), a chefe da guarda de Wakanda, da irmã Shuri (Laetitia Wright), que coordena a área tecnológica do reino, e também de Nakia (Lupita Nyong’o), a grande paixão do atual Pantera Negra, que não quer se tornar rainha. Juntos, eles estão à procura de Ulysses Klaue (Andy Serkis), que roubou de Wakanda um punhado de vibranium, alguns anos atrás.

O filme conta com Chadwick Boseman, Michael B. Jordan, Lupita Nyong’o, Danai Gurira, Letitia Wright, Martin Freeman, Daniel Kaluuya, Winston Duke, Angela Bassett, Forest Whitaker, Andy Serkis, John Kani, Florence Kasumba e Sterling K. Brown, em seu elenco. Com participação especial de Stan Lee.

Vamos tentar manter os comentários com o minimo de spoillers, mas será uma tarefa difícil já que esse novo filme da Marvel é com certeza um dos mais empolgantes já feitos.

O personagem do Pantera Negra surgiu na desada de 60 e como super-herói negro em uma época de mentes mais fechadas, a importância para representativa foi um marco.

Agora o personagem ganha um filme solo que tem por objetivo apresentar a origem do personagem ao mesmo tempo que se liga aos acontecimentos do universo cinematografico da Marvel.

Como todo filme de origem Pantera Negra não é exceção e tem seus momentos de ritmo lento e muitas explicações, apesar da primeira aparição de T’Challa /Pantera Negra ter sido em Capitão América: Guerra Civil (Captain America: Civil War, 2016), era necessário para aqueles que não são leitores de quadrinhos entender Wakanda.

Wakanda é um pais super desenvolvido devido ao vibranium e todo o prólogo do filme conta como foi a união das tribos e o surgimento do primeiro Pantera Negra.

E a representação das tradições e rituais de Wakanda ficou surpreendente, a exploração e apresentação da cultura tanto de Wakanda como a cultura africana ficaram muito interessante em tela.

O filme mesmo sendo um filme de super-herói ainda consegue expor alguns assuntos polêmicos como as questões raciais e trabalhar essas questões dentro de seu desenvolvimento.

O filme conta com um humor pontual, não que não tenha piada, mas tem uma quantidade de piadas bem menor que Thor: Ragnarok por exemplo e as piadas não alteram o tom dos personagens e do filme em geral, as piadas são bem colocadas e em momentos interessantes.

A forma como conseguiram conseguiram trabalhar a tecnologia super avançada de Wakanda com um certo “ar” de magia, ficou muito boa em tela.

A cidade dourada que é onde toda a historia se passa tem muito CGI e efeitos especiais, que justifica o filme ter sido um dos mais caros para ser produzido.

Os figurinos, o novo uniforme do Pantera Negra, a forma de vestimenta de cada uma das tribos torna o filme cada vez mais rico em cultura e representatividade, outro ponto positivo é a fotografia do filme.

O filme conta com boas atuações e destaque para as atrizes Lupita Nyong’o e Danai Gurira que seguraram bem as cenas de ação.

Falando em cenas de ação, pessoalmente eu gostei muito das lutas do filme, o plano sequencia da luta dentro do cassino é muito bem feito e empolgante.

As dora milaje, a guarda real formada por um grupo de mulheres são responsaveis por excelentes cenas de ação, assim como as lutas com referencias felinas do proprio Pantera Negra.

Além de fotografia e figurino, a trilha sonora de Pantera Negra chama a atenção. Pessoalmente toda a trilha combinou perfeitamente com o tom e estilo do filme.

Agora vamos falar dos vilões!

Eu queria ter visto mais do Garra Sônica interpretado por Andy Serks, era um personagem que poderia ter sido mais explorado, na minha opinião.

O ator Michael B. Jordan ficou muito bem no papel, ele conseguiu transmitir todas as suas motivações e de fato conseguiu construir um personagem que representa um real ameaça mesmo quando não tinha os poderes de Pantera Negra.

O filme Pantera Negra vale a pena SIM ser visto nos cinemas.

Tem bons personagens, uma história interessante, muita ação e como parte do universo cinematográfico da Marvel, claro que o filme tem varias referencias e possui cenas pós-créditos.

Pantera Negra é a dica de hoje! Se já viram deixem suas impressões aqui no blog tambem.

Confiram o trailer aqui em baixo:

Pantera Negra - Comentários
4.0Overall Score
Reader Rating: (4 Votes)

About The Author

Amante de bons filmes, acredita que o cinema tem a missão de tornar sonhos realidade. Tem medo de filmes de terror e evita drama para não chorar no cinema.

Related Posts

Translate »