Acompanhando as estreias da semana, vamos falar de Atômica!

O filme Atômica (Atomic Blonde) lançado em 2017 foi dirigido por David Leitch. Com roteiro de Kurt Johnstad, baseado em uma graphic novel chamada The Coldest City de Antony Johnston e Sam Hart.

Lorraine Broughton (Charlize Theron), uma agente disfarçada do MI6, é enviada para Berlim durante a Guerra Fria para investigar o assassinato de um oficial e recuperar uma lista perdida de agentes duplos. Ao lado de David Percival (James McAvoy), chefe da localidade, a assassina brutal usará todas as suas habilidades nesse confronto de espiões.

O filme conta com Charlize Theron, James McAvoy, Sofia Boutella, Toby Jones, Bill Skarsgård, John Goodman, Eddie Marsan e James Faulkner, em seu elenco.

Ambientada em Berlim no fim dos anos 80, o filme tem uma fotografia azulada e por vezes escura para poder combinar e abusar do neon.

A estética estilosa do filme, chama a ateção… Mas o que realmente prende a atenção do expectador é a atuação de Charlize e McAvoy.

Os dois estão incríveis, seus personagens são bem construídos durante o desenvolvimento do filme.

O roteiro tem uma forma não linear de contar a história, pode ser considerado um grande flashback com cortes para situar o expectador e dar um tempo para respirar entre as sequencias de ação.

O filme conta com planos sequencias impressionantes, muita ação e sequencia muito bem elaboradas. O segundo e terceiro ato apresentam sequencias de ação criveis, onde vemos os personagens lutando e ficando exaustos e muito machucados.

A maquiagem nesse sentido de dar veracidade a ação foi muito bem sucedida.

Os maiores pontos positivos do filme com certeza são: ação e visual (fotografia e figurino), mas a trilha sonora não fica para trás.

A trilha sonora aposta em muitas músicas pop e conhecidas o que já chama a atenção por si só. A única coisa que me incomodou é que a trilha se torna um pouco invasiva em determinados momentos do filme e ficou faltando a música “Sweet Dreams Are Made of This” que só toca no trailer.

O filme combina bem ação e espionagem, por causa das reviravoltas o final pode ser um pouco confuso se não prestar atenção, mas o expectador que estiver ligado consegue muito bem “matar” a charada final, que é descobrir quem é o traidor.

Essa pergunta movimenta o filme o tempo todo.

Pessoalmente para mim faltou um pouco mais de tiro e pancadaria, as sequencias do filme são ótimas e bem coreografadas, mas eu esperava que o filme fosse um pouco mais frenético e desenfreado do que ele foi.

Ainda assim não falta ação e estilo no filme.

Para quem gosta de filmes com tiros, lutas e perseguições de carros Atômica não vai decepcionar!

Curiosidades rápidas:

  • O diretor David Leitch já foi dublê em filmes como Blade: O Caçador de Vampiros, Matrix Revolutions e O Ultimato Bourne.
  • David Leitch foi co-diretor do filme De Volta ao Jogo (John Wick, 2014).
  • A atriz Charlize Theron quebrou dois dentes durantes as filmagens de Atômica.

Atômica vale a pena assistir, então fica a dica! Se já viram deixem suas impressões aqui no blog.

Confiram o trailer aqui em baixo:

Atômica - Comentários
3.7Overall Score
Reader Rating: (4 Votes)
Translate »