Me indicaram esse filme e hoje vamos falar do filme O Doador de Memórias!

O filme O Doador de Memórias (The Giver) lançado em 2014, dirigido por Phillip Noyce. Com roteiro de Michael Mitnick, o filme é a adaptação do livro “O Doador” de 1993 escrito por Lois Lowry.

O filme conta a história de que em mundo perfeito, onde não há mais guerras, racismo, tristezas ou doenças, todos são membros de uma comunidade e são encarregados de uma função específica. Aos 18 anos de idade, Jonas é selecionado para ser o novo Receptor de Memórias da sua comunidade, uma pessoa que tem a missão de guardar todas as memórias, indesejáveis ou não, do passado e tristezas dos habitantes. Contudo, diante dessas novas descobertas, Jonas se vê em meio a difíceis situações e escolhas, descobrindo que tal utopia, e uma verdadeira distopia.
O filme conta com Jeff Bridges, Meryl Streep, Brenton Thwaites, Alexander Skarsgård, Katie Holmes e Taylor Swift, em seu elenco.
Tenho plena consciência de que tem diferenças entre o livro e o filme, mas julgando o filme por ele mesmo digo que realmente para mim o filme é ruim, ou melhor, mal construído. E quero muito acreditar que o livro seja melhor.
Da forma como foi apresentado da a entender que existe outras comunidades e realmente você quer que eu acredite que apenas um desses escolhidos para receber as memórias tomou a iniciativa de fugir e devolve-las ao povo? Nenhum outro recebedor teve essa ideia? Já que mesmo com algumas lembranças ruins existe também as boas.
A discussão do filme é bem inteligente e interessante, mas a falta de personagens carismáticos e de algumas coerências como todo mundo no mundo concordou em retirar as emoções? Não existe ou existiu nenhuma resistência? As pessoas que não concordaram nunca tentaram entrar na comunidade?
Outra coisa a motivação de Jonas personagem principal não fica clara, ele salvou o bebe porque era certo, afinal iam matar o bebe sem um bom motivo e com as emoções de volta ele sentiu que deveria protegê-lo, ou só porque ele sentiu que o bebe no futuro poderia ser um recebedor de memórias?
Assim esse tipo de questionamento que estou citando não são questionamentos bons porque eles não aguçam a curiosidade para ler o livro, esse tipo de questionamento obriga o espectador a ler o livro em busca de respostas ou ignorar toda a discussão por trás da narrativa do filme e passar para outro filme.
A ideia do filme tem um potencial imenso para gerar discussões sobre distopia e a forma com que a sociedade lida com seus problemas, mas foi muito mal explorada.
Não vou dizer que é uma péssima adaptação porque não li o livro, mas posso dizer que é um filme fraco que por mais que deixe pontas soltas acho difícil ter continuação, mesmo que existam mais livros. Esse longa-metragem foi focado no primeiro livro dos quatros livros chamados de “O quarteto O Doador “.
O filme O Doador de Memórias deixa muito a desejar, pelo para mim, assistam por conta e tirem suas próprias conclusões.
O Doador de Memórias - Comentários
3.3Overall Score
Reader Rating: (4 Votes)
Translate »