Acompanhando as estreias da semana, vamos falar de Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa!

O filme Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa (Birds of Prey And the Fantabulous Emancipation of One Harley Quinn) lançado em 2020 foi dirigido por Cathy Yan.

Arlequina (Margot Robbie), Canário Negro (Jurnee Smollett), Caçadora (Mary Elizabeth Winstead), Cassandra Cain (Ella Jay Basco) e a policial Renée Montoya (Rosie Perez) formam um grupo inusitado de heroínas. Quando um perigoso criminoso de Gotham, Roman Sionis (Ewan McGregor), e seu braço direito, Zsasz (Chris Messina), começam a caçar a jovem Cass (Ella Jay Basco), a cidade é virada de cabeça para baixo em busca da garota. Os caminhos de Arlequina, Caçadora, Canário Negro e Renée Montoya se encontram e o quarteto improvável não tem escolha a não ser unir.

Estrelado por Margot Robbie, Jurnee Smollett-Bell, Mary Elizabeth Winstead, Rosie Perez e Ella Jay Basco. O filme conta também com Chris Messina, Ewan McGregor e Ali Wong.

Aves de Rapina pode ser definido em três palavras, divertido e incrivelmente louco.

Começamos esse passeio pela insanidade da protagonista Harley Quinzel vulgo Arlequina, que conta ao expectador sua origem. A partir desse momento o filme já da pistas ao expectador de que não sera um filme linear, porque quem nos narra a história é a própria Arlequina.

No começo percebemos que apesar de se considerar o grande motivo para que o Coringa seja um dos mais perigosos vilões de Gotham, mesmo após o rompimento ela utiliza de sua influencia para fazer o que quiser na cidade. Quando ela finalmente deixa claro para o mundo que ela não tem mais nada com o Coringa é que seus problemas aparecem e a história começa a se desenrolar.

Além da busca por independência, fortalecimento e amor própria das protagonistas, a escolha da diretora Cathy Yan de dar espaço não só para a Arlequina se apresentar, mas deixar que a personagem apresentasse as outras companheiras foi muito interessante de ver em tela.

A forma como o roteiro trabalhou as personagens e como as personagens acabam por motivos bem diferentes e particulares no mesmo lugar tendo que se unir é uma aventura boa de se acompanhar.

Vamos falar de atuações!

A atriz Margot Robbie esta impressionante nesse papel, ela está incrível e o filme é dela, a insanidade ingênua da personagem é muito bem caracterizada em tela.

As outras atrizes estão ótimas e os personagens casaram como uma luva. Principalmente temos que destaca a Canário Negro que começa como uma cantora na boate do vilão Máscara Negra e depois acaba se envolvendo na trama.

Além de um elenco feminino forte, o filme conta com Ewan McGregor, que ator incrível. Ele simplesmente está ótimo e traz um máscara negra, caricato e insano na medida certa do filme.

A fotografia do filme é muito boa, as cenas de ação são impressionantes, com certeza não falta ação e violência nesse filme!

As cenas são tão bem estruturadas que da pra sentir o impacto nas cenas de ossos quebrados, todo mundo vai chegar a se contorcer de nervoso na cadeira do cinema.

Piadas bem inseridas, que complementam os momentos de ação e a trilha sonora interessante e divertida são outros bons acertos desse filme.

Apesar de uma adaptação de quadrinhos é claro que o filme tem diferenças, a essa altura o público já deve (ou deveria) ter se acostumado, e além disso como esta no mesmo universo o filme ainda faz referencias a Esquadrão Suicida (2016).

Ótimas atuações, figurinos bem elaborados (apesar de não gostar do uniforme final da Caçadora), trilha sonora combinando com o ritmo acelerado fazem de Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa um filme divertido e que vale sim a pena ser visto no cinema!

Se já viram deixem aqui em baixo suas impressões também.

Confiram o trailer aqui em baixo:

Aves de Rapina: Arlequina e sua Emancipação Fantabulosa - Comentários
4.0Overall Score
Reader Rating: (2 Votes)
Translate »