Acompanhando as estreias da semana, vamos falar de Meu Malvado Favorito 3!

O filme Meu Malvado Favorito 3 (Despicable Me 3) lançado em 2017 foi dirigido por Pierre Coffin e Kyle Balda, com roteiro de Cinco Paul e Ken Daurio.

Nos anos 1980, Balthazar Bratt fazia muito sucesso através de sua série de TV, onde interpretava um vilão chamado EvilBratt. Entretanto, o tempo passou, ele cresceu, a voz mudou e a fama se foi.

Com a série cancelada, Balthazar tornou-se uma pessoa vingativa que, nas décadas seguintes, planejou seu retorno triunfal como vingança.

Gru e Lucy são chamados para enfrentá-lo logo em sua reaparição, mas acabam sendo demitidos por não terem conseguido capturá-lo. Gru então descobre que possui um irmão gêmeo, Dru, e parte com a família para encontrá-lo no país em que vive.

O elenco de vozes conta com Steve Carell, Kristen Wiig, Trey Parker, Miranda Cosgrove, Dana Gaier, Pierre Coffin, Steve Coogan e Julie Andrews. Já a dublagem brasileira ficou por conta de Leandro Hassum, Maria Clara Gueiros, Evandro Mesquita, Bruna Laynes, Ana Elena Bittencourt, Pâmela Rodrigues, Marcio Simões e Marize Motta.

O filme não se passa muito tempo após o final do segundo filme Meu Malvado Favorito 2 (2013), onde Gru e a Agente “Lucy Wilde” se casaram, mas dessa vez o filme traz novidades além do irmão gêmeo “bom” do Gru, chamado Dru, temos mais informações sobre o pai do protagonista.

Na minha opinião, com certeza esse terceiro filme é melhor que o segundo filme, porque eu devo confesso que gosto mais quando o Gru faz “vilanias” é interessante ver o quanto o personagem foi desenvolvido durante esses 3 filmes.

Nesse filme conseguimos entender porque Minions (2015) não foi tão bem sucedido no quesito atingir todos os público, porque o filme prova definitivamente que os minions são muito bons como alívio cômico!

Todas as sequencias deles são divertidas, eles dominando a cadeia é muito engraçado, eles tem pouco tempo de tela nesse filme se compararmos com Meu Malvado Favorito (2010) e Meu Malvado Favorito 2 (2013), isso porque o roteiro desenvolve o irmão de Gru e o relacionamento deles como irmãos gêmeos.

Vamos falar do vilão! Caricato quando precisa ser, Balthazar Bratt é o vilão mais retro possível, ele é um ex-ator mirim que ao ver o término de sua carreira encarnou seu personagem e entrou para o mundo do crime.

O roteiro trabalha o personagem bem ao se combinar varias referencia dos anos 80 com uma trilha sonora cheia de sucessos. A sequencia dele executando o roubo impossível ao som de “Bad” do Michael Jackson é muito divertida.

Meu Malvado Favorito 3 é um filme que consegue atingir todos os públicos, nesse quesito ele funciona melhor que o segundo filme provando aquela teoria de que normalmente a primeira sequencia deixa a desejar, mas eles se redimem no terceiro filme.

Claro essa teoria tem exceções como, no caso da Trilogia Nolan, onde o segundo filme Batman – O Cavaleiro das Trevas é o melhor!

O filme fecha com um gancho para uma possível sequencia interessante.

Malvado Favorito 3 é divertido, então fica a dica! Se já viram deixem suas impressões aqui no blog também.

Confiram o trailer do filme aqui em baixo:

Meu Malvado Favorito 3 - Comentários
3.3Overall Score
Reader Rating: (8 Votes)
Translate »