Acompanhando as estreias da semana, hoje vamos falar de Dragon Ball Z – O Renascimento de Freeza!

O filme Dragon Ball Z – O Renascimento de Freeza (Drgaon Ball Z Resurrection No ‘F’) lançado em 2015 foi dirigido por Tadayoshi Yamamuro. Esse novo longa-metragem é uma continuação de Dragon Ball Z: Batalha dos Deuses (Dragon Ball Z: Battle of Gods, 2013) e serve também de propaganda para a nova fase da serie de anime Dragon Ball Xenoverse.
Ambientado em uma Terra onde reina a paz, chegam dois sobreviventes do exército de Freeza: Sorbet e Tagoma, com o objetivo de reviver seu líder com as Esferas do Dragão e se vingar dos Saiyajins.
Me incomodou muito o trabalho de marketing desse filme que estragou o grande desfecho do filme, já no pôster/cartazes do filme aparece Freeza dando a certeza pro espectador que ele vai conseguir ressuscitar, porque mesmo com o título do filme dando a dica, o filme podia foca só na tentativa de ressuscitar o personagem e o senso de urgência dos heróis em impedir.
Tendo dito isso, como é bom voltar a ver uma animação em desenho mesmo, não computação gráfica como grande parte das animações vem fazendo em Hollywood atualmente.
O filme combina bem comédia e lutas que são as melhores partes do anime, na minha humilde opinião. Os traços originais do anime foram mantidos, o fãs (como eu) que viram Dragon Ball, Dragon Ball Z e mais recentemente Dragon Ball Z Kai podem assistir sem medo da perda de qualidade ou mudança de estilo, ainda que nesse longa-metragem seja apresentada uma nova forma de evolução dos saiyajins. Essa nova forma vai ser mais explorada na serie animada Dragon Ball Xenoverse.
Esse filme tenta unificar a linha do tempo da série fazendo referência até ao jogo de videogame, trazendo personagem do jogo para o filme e servindo muito bem de prólogo para Dragon Ball Xenoverse. Única ressalva é que o filme ignora completamente o Dragon Ball GT (fase que entre muitos dos fãs não tem boas críticas). 
Com o elenco de vozes original, o filme conta com as vozes de Carlos Campanile, Wendel Bezerra, Alfredo Rollo, Tania Gaidarji, Fátima Noya, Luiz Antonio Lobue, Fábio Lucindo, Gileno Sandoro. Menção honrosa a dublagem que esta realmente muito boa, mesmo as piadas ficaram bem adaptadas.
Para os fãs o filme Dragon Ball Z – O Renascimento de Freeza é mais um bom filme de Dragon Ball, e para aqueles que tem interesse em cultura pop nerd japonesa, otaku etc. vale a pena conferir, então fica a dica.
Dragon Ball Z – O Renascimento de Freeza - Comentários
3.5Overall Score
Reader Rating: (3 Votes)
Translate »