Hoje vamos falar de um filme que retrata o processo criativo e bastidores da criação de um clássico, estou falando do filme Walt nos Bastidores de Mary Poppins.
O filme Walt nos Bastidores de Mary Poppins (Saving Mr. Banks) dirigido por John Lee Hancock foi lançado em 2013. A trama central gira em torno da época da segunda guerra mundial, onde um homem visionário, chamado Walt Disney (Tom Hanks), conhece Pamela Travers (Emma Thompson), a autora do livro Mary Poppins. Ele passa 20 anos tentando conseguir os direitos dos livros de Pamela para sua adaptação para o cinema, e quando Travers finalmente aceita, Disney descobre que o roteiro do filme será ditado conforme as vontades da autora. Como plano de fundo o filme conta a história da infância de Pamela, seus problemas com o pai, que era alcólatra. Enquanto o filme se desenvolve é possível para espectador entender o porquê da existência do personagem dos livros.
O longa-metragem é realmente emocionante e conta com elenco altamente graduado Tom Hanks, Emma Thompson, Colin Farrell, Paul Giamatti, Jason Schwartzman, B. J. Novak e Bradley Whitford. A indicação de melhor atriz para Emma Thompson não foi superestimado, realmente uma atuação comovente.
Bom não temos como falar desse filme sem mencionar o clássico Marry Poppins. Eu vi recentemente o clássico Mary Poppins (1964) dirigido por Robert Stevenson, e com roteiro baseado nos livros de mesmo nome de P. L. Travers.
O clássico se passa no ano de 1910, em Londres, onde o banqueiro Mr. Banks, um homem frio que trata com rigidez seus filhos Jane e Michael, não consegue contratar uma babá, pois elas desistem facilmente do emprego. Em uma noite, enquanto redige com sua esposa um anúncio de jornal procurando uma babá, sua filha Jane aparece com uma carta mostrando como seria uma babá perfeita. Esta carta acaba chegando nas mãos de Mary Poppins, que é tudo aquilo que está descrito na carta. Mary Poppins possui poderes mágicos e, com seu amigo faz-tudo Bert, transforma a vida daquela família, com muita música, magia e diversão.
Fico muito feliz de não ter visto esse filme em minha infância porque talvez na época eu não conseguisse entender as mensagens que o filme traz para o espectador refletir. Quando crianças vemos o mundo de forma mais sensível e encontramos maneiras fáceis e criativas para resolver nossos problemas, mas quando crescemos a criatividade se torna cada vez menor e demoramos mais para resolver nossos problemas.
A ideia de que Marry Poppins veio pra salvar o pai das crianças, e que “a magica esta nos olhos de quem se permite ver” e “que ver vida através dos olhos de uma criança traz a felicidade para a vida” são algumas das reflexões que ambos os filmes transmitem com facilidade e inteligência.
Ambos os filmes são ótimos de assistir e recomendo que vejam os dois em sequência, fica muito divertido ver eles discutindo como será uma sequência do filme e depois ver a sequência que foi realizada. Então são duas dicas em uma, aproveitem porque esses filmes mostram o quanto é importante preservar a magia.
Walt nos Bastidores de Mary Poppins - Comentários
3.9Overall Score
Reader Rating: (4 Votes)
Translate »